COLEÇÃO DE PERFUMES - LEILA

Como hoje é sexta, recebemos convidados aqui em nossa vila perfumada. E o tema é bastante convidativo, pois  visitaremos a Coleção de Perfumes da Leila; não sei vocês, mas eu curto muito olhar os frascos, apreciar sua forma, saber dos cheiros e do que eles significam à pessoa. 
Toda semana daremos uma espiada no armário perfumado de apaixonad@s por perfumes. <3
COLEÇÃO DE PERFUMES
Coleção de perfumes da Leila
Consegui identificar:
Laguna, Noa, Catch me, Obsession, Trèsor, Chloè Edt, Love in Paris Nina Ricci, Cabotine, Amarige, Animale, Opium, 4711, Fidji, Joop! Femme, Charlie Revlon, Portinari, L`air du Temps Nina Ricci, Eternity
e os demais? ;)

Enquanto isso, pega o lencinho, senta na cadeira e vem comigo:

Aqui vai um pouquinho da história de como iniciei esta minha pequena coleção. Desde criança os cheiros e aromas sempre me chamaram a atenção, ervas aromáticas (camomila, macela, alecrim, etc.) era o que "recheava os travesseiros na casa de minha avó. Deitar na cama e adormecer com aquela profusão de odores era maravilhoso pra mim. E até hoje, passados muitas décadas, quando sinto o cheiro de alguma delas, a lembrança de minha avó vem como que me abraçando. E é bem verdade que muitas vezes o cheiro é bem melhor que aquilo que o emite, pra mim o cheiro do café fresco é muito melhor que o gosto, assim como o cheiro da terra molhada pela chuva num dia quente de verão ou da grama recém cortada. Odores e nos surpreendem. Já identifiquei cheiro de xixi de gato, borracha, fumaça, desinfetante entre outras coisas nos perfumes que gosto. Durante muito tempo não usei perfumes, até os tinha, mas não conseguíamos nos entender. Nessa época eu era fumante, meio compulsiva diga-se de passagem, então era algo que, a meu ver, não combinava uma inhaca de cigarro com perfume. A meu ver essa mistura se tornaria pior ainda. Além de ter meu olfato prejudicado pelo tinhoso. Nos idos dos anos 80/90 O Boticário vivia seus dias de gloria, para alegria nossa e da empresa, com perfumes maravilhosos. Lembro de ter ganho Zingara, Anette, Ravel e Dreams. Estes dois últimos ainda os tenho. Mas a grande mudança aconteceu quando meu netinho especial, com síndrome de Down nasceu em 2007. Com 1 mês foi hospitalizado com bronquiolite (inflamação dos brônquios). Neste momento, dentro do hospital vendo aquele serzinho tão frágil e dependente de todos os cuidados possíveis, decidi que quando estivesse em meu colo o que sentiria seria o melhor dos perfumes e não mais o cheiro da fumaça sufocante do cigarro. E assim foi.
LEILA E SEUS PERFUMES
Leila e sua coleção
A partir dai desabrochei novamente para os perfumes, aqueles que andavam esquecidos na penteadeira e outros que tanto ouvia falar mas não me animava a adquirir. Mas agora, aos poucos eles foram chegando, ganhados ou comprados eles fazem a minha alegria. Tenho paixão pelos de cor escura, feito ouro engarrafado, florais, orientais ou amadeirados.Minha coleção conta atualmente com 36 fragrâncias entre nacionais e importadas. Sou apaixonada pelo Trésor (que sinto la no fundinho o tal cheiro de xixi), Animale que me desperta o bom humor, Charlie, que pra mim tem gosto de festa, Fidji que é pra ocasiões mais sofisticados assim como Chloé que é como champanhe explodindo gotas perfumadas, Ainda tem L'air du Temps que é para dias mais amenos. E outros tantos mais; tenho um carinho especial por cada um, Dâmaris, fiquei com dor no coração quando li que és apaixonada pelo Shalimar mas apesar disso não gosta das notas iniciais. Creio que não tive paciência suficiente para esperar a evolução do perfume e passei adiante, não 1 mas 2 vidros por que não conformada de não ter gostado do primeiro, acabei por comprar a outra versão, mas infelizmente não fui paciente o suficiente para que o mesmo evoluísse e então sim, ver se me faria feliz como sempre sonhei que faria. Estou enviando uma foto de euzinha e outra onde mostra minha coleçãozinha, que espero aumentar em breve ja que minha lista de desejos é imensa. beijos perfumados.
Eu avisei...a história da coleção da Leila é de se emocionar.
Uma vovó amorosa percebeu que o olfato é importante vínculo afetivo entre pessoas, marca a memória e compõe a história de uma vida. Parabéns por essa sua delicadeza, Leila, de cuidar também desse aspecto da vida de seu neto. Ganhou ele, ganhou você. És dona de um estilo floral oriental marcante. Tens perfumes clássicos e diria até - históricos! E alguns descontinuados, também... como o Love in Paris, da Nina Ricci.
Sobre o Shalimar, a saída dele me assusta um pouquinho (a do Edt), mas depois é paixão mesmo... sim, alguns perfumes precisamos esperar a evolução para que ele fale conosco. :)

Obrigada, querida Leila, por participar do VB, pelo carinho de ter aceito o convite. bjs

Vocês conseguiram reconhecer todos os frascos da foto? Eu ainda não consegui todos...principalmente um do meio perto do Amarige e outros mais à direita da foto... :) #curiosamodeon

23 comentários :

  1. Que história linda Leila, meus parabéns! Isso é o mover do amor à nossa família, dom precioso de Deus, que devemos cultivar e regar todos os dias, pois é nosso alicerce de vida. Teu relato fez me lembrar também de minha avó materna (única que conheci), a qual dediquei boa parte de minha vida para cuidar dela....olhos doces, cabelinho branco, mãozinhas enrugadinhas, Oh saudades!
    Seu neto foi a vitória tua ao desligamento de algo que não te faria bem ao futuro....além de fazer os laços serem mais fortes e para sempre! Lindo e emocionante sim tua história....para guardar em nossos corações.
    Tua coleção é deliciosa! Alguns tenho e fiquei tão feliz de ver meu amado Fidgi e meu amado Noa e quase que certeza de ver meus amados First e Musk da Coty, e também meu Quartz Molyneux....estou certa????

    AH Leila! Sou também fascinada por líquidos cor de ouro (tenho somente que cuidar para não fazer a escolha errada!).

    O vidro perto do Amarige não é o Vivre descontinuado?? Vejo vidros da Boticário, um da Natura, um vidrinho pequeno também perto do Trésor que acho ser VS Amber, do lado do Portinari não é um da Estee Lauder??

    Amei ao cubo e ao quadrado ver a participação da Leila....ansiosa para ver todas as semanas de todos os leitoras.....Ahhhhhhh que alegria e satisfação (fascinante ver a coleção alheia, rsrs).

    Um beijo a Leila Vitoriosa e a ti minha querida "Dama Perfumada" Dâmaris.

    Malú

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Malú do céu...me passa a tua lupa, por favor? Acho que identificaste bem mesmo Tô esperando a Leila poder vir aqui para atualizarmos alista dos perfumes dela.

      Qdo recebi o e-mail da Leila mal contive as palavras qdo li a sua história; ela faz parte daquele time de pessoas que entende as fragrâncias como arte? Sim, mas muito mais que isso....

      bj querida.

      Excluir
  2. Olá belas,
    Leila, sua história e depoimento são tocantes. Você nos revelou mais do que uma coleção de perfumes, mas a sensibilidade e o amor humanos.

    Dâmaris, este blog é um encanto! Tanto pela variedade de assuntos como pelo nível dos posts e comments. É sempre um prazer imenso passar por aqui.

    Malú, de doces palavras, tem sempre um comentário gentil e sincero.

    Sinto-me grata em compartilhar este espaço com todas vocês.
    Desejo-lhes um lindo e perfumado final de semana!
    Beijos

    Thais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bela Thais....

      Doce é você, que lê com o coração, pureza de alma e sensibilidade a flor da pele....e sempre tão gentil comigo querida, obrigada.

      Também me sinto tão feliz aqui no VB, (como tomando um belo café colonial, junto de grandes amigas(os)). Quisera um dia poder conhecer a todas(os)...

      Um lindo e perfumado final de semana a ti também, a Leila, a nossa querida Dâmaris e todos os leitores aqui....

      Beijos da
      Malú

      Excluir
    2. A casa é sua, Thais....e são as pessoas que por aqui circulam que a mantém viva e pulsante. És toda "alma". bjs

      Excluir
  3. Lindo depoimento Leila! Amei sua participação! Parabéns querida Dâmaris.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leila nos trouxe uma história inesquecível, Lola... obrigada ! abraços <3

      Excluir
  4. Leila que história encantadora a sua. Fico muito contente em ver seu desabrochar para o mundo perfumado e me identifiquei com você em diversos relatos. Eu também vivi anos achando que não gostava de perfumes e no meu caso era porque além de ter um olfato apurado, era (sou) chatinha com cheiros e não tive muita oportunidade de conhecer muitos aromas. Na minha casa só rolou Seivas de Alfazemas e a Colônia Lancaster. Esse último usado aos litros por uma de minhas irmãs, empestelhava a casa.rs
    Também senti um cheiro muito "peculiar" em um perfume que não sei qual era,pois não perguntei. Sentia cheiro de cocô - faz sentido?No perfume de uma colega de aula.
    Tudo mudou quando conheci o Contradiction e o Eternity da Calvin Klein, pois deles gostei verdadeiramente e fui aos poucos me abrindo para os perfumes.
    Adoro as resenhas da Dâmaris e os depoimentos.
    Um ótimo final de semana a todos!
    Raquel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse desabrochar ao mundo dos perfumes, o motivo e os efeitos me tocaram tanto, Raquel. AInda bem que existem pessoas que vêem nos perfumes muito mais que "higiene" e vaidade, não é? Obrigada por participar do VB.
      abraços perfumados e um feliz fim de semana a ti e aos teus.

      Excluir
    2. Ah..cheiros...tão bons quanto uma bela música! Os dois juntos, então, me fazem sentir tão bem...
      Vocês viram que está no cinema um filme sobre o Yves Saint Laurent?Vou assistir amanhã e não vejo a hora!!!Dâmaris, sou de Florianópolis, também já te contei?Está passando no Shopping Beira Mar.

      Excluir
    3. Oi Raquel... não havias contado! Que legal! Tem umas 4 ou 5 meninas que tbém lêem o VB e são daqui de Floripa. Podíamos fazer um encontro perfumado qualquer dia desses.

      Essa semana está tão imensamente corrida que mal vi jornal; ansiosa para conseguir uma brecha para ir ao cinema!! Obrigada pela dica, nem tinha me tocado de ver a programação do cinema! Vou lá no site do Beiramar conferir dias e horários. ;)

      Excluir
    4. Eu também vivo por fora das notícias e só soube do filme graças a uma revista que falou a respeito. Vi o trailer no Youtube e gostei muito. A biografia dele é muito interessante. Quanto aos perfumes dele, tenho apenas o Opium, Cinéma e Y(mini). E quanto ao encontro perfumado, seria muito legal!

      Excluir
    5. Depois me conta se vale a pena assistir ao filme, Raquel... YSL tem uns perfumaços mesmo.

      Vou tentar organizar alguma coisa, então...

      bj e feliz semana a vc, Raquel.

      Excluir
    6. Dâmaris, gostei muito do filme. Acho que mostrou o Yves bem como ele era (talento e excessos tbém) e não foi apelativo com os momentos duros da vida dele (discriminação no exército, etc), mas....não falaram sobre os perfumes, que pena...Mostraram até ele pousando nu, mas não se referiram a que e foi para o lançamento do Pour Homme. Fiquei no desejo, rs, mas veria novamente.
      bjs

      Excluir
  5. Que historia tocante... Minha sogra conta que dormiu muito em travesseiro recheado de ervas aromáticas....
    Fidji me acompanhou por muitos anos, aliás minha história com perfumes começou com ele. Linda coleção Leila!
    Bjs*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lídia!! quero saber tua história! :) bjs

      Excluir
  6. Queridos!
    Fiquei tão emocionada com os comentários que quase fui às lágrimas! Vou listar os que estão na foto p
    ois alguns ficaram ofuscados pelo reflexo do vidro. Começando pelo lado esquerdo ao fundo está Cerejeira em Flor, Ravel (original) do Boticário, Águas de Jaboticaba da Natura, Portinari e Dreams, (original tbm, ja meio velhinho), Charlie, Tabu e Dreams (versão nova). Na segunda fileira estão Far Away Exotic, 4711, Fidji, Joop Femme, Quartz e o super-hiper-mega maravilhoso Vivre da Molyneux que foi descontinuado, Free e L'Air du Temps. Na frente destes estão Laguna, Love in Paris, Cabotine, Amarige, Escape, Animale, Opium, Eternity, Musk, First, Chloé, Trésor, Obsession, Catch Me e Noa. São meus amores e cada dia um faz a minha alegria. Mas esta é uma paixão que não se esgota, pois parece que a lista de desejos só aumenta. O último que se juntou ao grupo foi o Poison, o verde escuro e que é tudo de bom.
    Agradeço cada palavra de carinho recebida e em especial à querida Dâmaris que permitiu que eu dividisse um pouquinho da minha história. Um grande abraço perfumado a todas!
    Leila Bopp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por fazer parte do Village, Leila... a casa é sua também; e ficamos todos marcados por tua história que destacou mais uma importante "missão" dos perfumes.
      abraços perfumados

      Excluir
  7. A Leila é leitora, Dâm?! Adorei a idéia!!! Se quiser depois posso dar meu depoimento e mostrar minha coleçãozinha... adoro!!! Bjo e amei o post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Frede

      sim, a Leila é leitora! Mande foto e depoimento para o meu e-mail!! Que bom!

      Excluir
  8. A história dela é linda e me emocionou muito, já que meu baby é autista e de certa forma me identifiquei... lindo o que ela ofereceu ao seu netinho.... um amor perfumado... muito lindo isso... e eu, particularmente acho a memória olfativa uma coisa fantástica e de suma importância, afinal todos os meus perfumes me levam a estar e algum lugar ou com alguém... e isso é sentimento, e é viver... por isso que costumo dizer que perfume me move!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso, Frede.... perfume não é só arte, vaidade... vai muito além!

      Excluir
  9. Também sinto cheiros estranhos nos meus perfumes, haha. Cheiro de maracujá sempre me lembra xixi de gato, e o meu Black Xs feminino me lembra um cheiro de fumaça.

    ResponderExcluir

O Blog Village Beauté está com suas atividades suspensas.

Grata pela compreensão.

Pin It button on image hover