RESENHA PERFUME SPRING MAHOGANY - lançamento

Certos lançamentos de perfumes ocorrem na estação própria. Assim como nossa pele pede texturas mais leves e frouxas, o paladar clama por frescor, a visão pede por mais luz, nosso olfato carece de cheiros diferentes na primavera-verão. Já desde a primeira vez que senti Spring, em um dos meus passeios à Loja Mahogany do Shopping Floripa, percebi que estamos diante de um perfume certeiro para a nova estação. 

spring o lançamento mahogany
Frasco branco com dourado do lançamento Spring - Mahogany


Primavera da renovação, dos novos ares, do desabrochar de flores. O ar cheira diferente. 
Roland Theil, o perfumista que assina Spring transformou a primavera em um cheiro. E para ele, a primavera é clássica. Como assim?

spring mahogany review
Componentes de Spring Mahogany
Pois bem, meus caros, venham comigo.

Estamos naquela época do ano em que nos despedimo do inverno e nos aproximamos da primavera. O vento ainda é meio gélido logo pela manhã, mas o sol dourado, o céu azul e o bailado dos pássaros já anunciam tempos mais aquecidos. Esse perfume já em sua saída traduz isso. 

Ele tem uma saída gelada levemente cítrica de um tipo de laranja suave que crianças apreciam muito, mas as flores em seu fulgor logo a levam embora. Mergulhamos imediatamente em um campo de narcisos, e quem ama Narcisse de Chloé sentir-se-á em casa neste momento. Estas flores de cheiro intenso que ao mesmo tempo lembram folhas esmagadas e jasmins, têm, na aromaterapia, o poder de aliviar estresse e tensões físicas. 

Campo de narcisos


O coração de Spring é, principalmente, um campo de narcisos com seu cheiro metálico verde intenso associado ao cheiro de rosas vermelhas. Bailam quente sob o sol e sobre musgo, que reforça a sensação de terra, folhas esmagadas e úmidas. De vez em quando, como se a evolução fosse em círculos, aparecem pequenas mimosas com seu característico cheiro retrô atalcado.  As rosas se vão, ficam os inebriantes narcisos, com musgo, talco de mimosa cremosa e couro seco e bruto. 

Este perfumista certamente se inspirou nos anos 70 para fazer Spring... impossível é não lembrar imediatamente da base de Cristalle, do coração de  N 19, ambos da casa Chanel. Inclusive, Spring da Mahogany tem muitas notas em comum com o perfume N19. Ainda lembrei dos narcisos de Narcisse de Chloé, e as flores atalcadas sobre couro de Anaïs Anaïs.

Spring é um perfume setentista, não tão denso quanto seus irmãos importados, afinal é uma deo-colônia, mas certamente senti-lo é viajar para os tempos em que queríamos sentir os cheiros de florestas e jardins em nossa pele.


Pela proximidade com os perfumes N 19 e Cristalle, e por seu desempenho em minha pele, digo que Spring se comportou como um floral chypre old school, mais leve (por ser deo-colônia), mas não floral oriental como indica o texto da marca.

Caminho Olfativo: floral orientalNotas de saída: ylang ylang, mandarina e jacintoNotas de corpo: rosa, jasmim, mimosa, gálbano e narcisoNotas de fundo: âmbar, musk, baunilha, vetyver, musgo de carvalho e couro

Por Spring e por este creme mostrado aqui, penso que a Mahogany está seguindo uma tendência internacional: criações inspiradas nos perfumes de outrora. Atende, assim, aos perfumados classicistas.

Projeção: mediana na primeira meia hora, depois mais rente à pele. 
Evolução: em círculos, as notas vêm e vão sobre a tríade narciso, musgo e couro
Fixação: entre 4 e 6 horas, boa para uma deo-colônia
Sugestão de uso: primavera-verão, por homens e mulheres que apreciam o estilo chypre dos anos 70 e início de 80. É uma opção mais leve para quem ama Chanel N19 e Cristalle, Pleasures Estée Lauder, Anaìs Anais Cacharel, Narcisse Chloé.
Palavras-chave: verde, sofisticado, clássico.
Preço: R$58,00 o frasco de 50 ml

Aos amantes de clássicos como Cristalle, Chanel 19, Anaïs Anaïs, Narcisse de Chloé, mas desejosos por uma versão mais suave ...deixo uma bela sugestão.

Abraços perfumados à la anos 70


Veja também outros florais chypre old school:

Resenha Pleasures Estée Lauder
Resenha Vent Vert Balmain

Resenhas de perfumes, cremes e óleos Mahogany:




20 comentários :

  1. Menina! Estava louca para saber alguma descrição deste e do outro que a embalagem é igual....e tu maravilhosamente saciou minha vontade, rsrs. E como sempre acabas me colocando a vontade de ir na Mahogany dar uma cheiradinha, afinal comparas a três que tenho e amo!!!! Assim como posso parar de querer mais e mais???? Me diga sua malvada bonita!! rsrs.

    E devemos tirar o chapéu e estendar o tapete vermelho para a Mahogany, afinal ela vem nos mostrando uma capacidade incrível de agradar nossos olfatos, tanto em perfumes, cremes, sabonetes e afins. Merece esse reconhecimento!

    Delícia de te ler.....e ver esse campo de narcisos, fez um bem enorme ao meu coração! Obrigada querida.

    Beijos

    Malú

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nem te conto.... comprei o outro ! rsrs
      venho contar aqui já já...

      Menina, esse é estilo bem clássico! LIndo de se ver. Suave, discreto, veranil!

      bj bj

      Excluir
  2. Oi Dâmaris ! Puxa, eu tb estava querendo saber em qual perfume este foi inspirado......comentei ainda esta semana que ao cheirá-lo me remeteu ao n.o 19. Até que meu olfato anda acertando ! Cada dia mais orgulhosa pela Mahogany !! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ;) Magaly G. a marca está investindo em vários perfis olfativos, não é? Acho muito bom isso. Sim, temos um Chanelístico delicado como opção veranil. bjs

      Excluir
    2. Dâmaris, vc já sentiu as Águas Perfumadas masculinas Voyeur e Maschio ? O Voyeur é tal e qual o Black XS masculino, delícia !! E eu achei o Maschio maravilhoso, mas, não consegui identificar se é inspirado em algum importado. Preciso da ajuda de seu narizinho expert, pode ser ?? kkkkkkkkk Bjs

      Excluir
    3. Oi Magaly, senti muito rapidamente daquele jeito que a gente sai borrifando quinhentos papeizinhos, sabe? rsrs Preciso me dedicar tbém às fragrâncias ditas masculinas, os meninos estão reclamando que quase não falo prá eles rsrs. Vou lá sim. bjs obrigada pelo carinho

      Excluir
  3. Achei ele idêntico ao EAU DE MADEMOISELLE da Givenchy...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda, tenho o Eaudemoiselle Givenchy e em minha pele eles ficam totalmente diferentes. O da Givenchy é floral jasmim com flores de laranjeiras doce; já o Spring chypre floral com musgo e couro. Falas do Eaudemoiselle clássico, o Edt, certo? abraços

      Excluir
  4. Dâmaris querida,
    instigante resenha! Estes narcisos deixam-me ressabiada, mas há o atenuante "suave, discreto, veranil" que depõe a seu favor. Neste final de semana levarei meu nariz a passear na Mahogany e quem sabe não encontro e me encanto com Spring?
    Beijos querida e que a nossa Primavera seja ensolarada e florida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. querida, sim... narcisos requerem cuidado, mas vale muito à pena levar o narizinho para ir passear por lá sim. Uma versão suave de clássicos de outrora. bjs

      Excluir
  5. Intrigante perfume Dâmaris! Que bom que estamos saindo da 'moda' dos perfumes gourmand, embora eu goste deles acho que já saturamos nosso olfato! E que lindeza ver a marca revisitando tendências e sucessos do passado, trazendo para suas inspirações!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. também sou bem eclética, DIana... circulo entre todas as famílias olvativas, mas confesso uma certa saturação de um modismo específico. Bom ver caminhos alternativos, não é?

      Excluir
  6. Eu vou é acabar abrindo uma loja da Mahogany por aqui só pra eu cafungar tudo. hahahahaha

    E, né, 19 e Pleasures, dois amores. Só não curto o Cristalle. Mesmo assim, curiosei. Gostei de ver um nacional fugindo da modinha gourmand. Coisa rara.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrs ótima idéia, Vanessíssima! rsrs Juntarias dindim com paixão - sonho de muita gente.

      Pois vês? Caminhos clássicos segue a Mahogany.....

      Excluir
  7. Na minha pele ele ficou idêntico ao Anais Anais de Cacharel. Pra mim eles são irmãos gêmeos.

    Jackline

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Jackline ele tem uma flor parecida com a do Anais Anais, por isso você identificou uma semelhança... mas não chegam a ser iguais, por conta das demais notas. Spring tem acentos mais verdes e menos atalcados.

      Excluir
  8. Por falar em lançamentos da Mahogany, você já experimentou a colônia Ylang Ylang da linha Águas Perfumadas? Nunca vi uma colônia fixar e exalar tanto! Uma delícia com um certo ar de Lancôme Ô d'Azur.
    200 ml. de puro frescor sem perder a elegância. Vale cada centavo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Cecília, consegui conhecer a Ylang Ylang águas perfumadas apenas hoje, 19/10. ELa ficou bem fresca em minha pele também, frutal floral... exalou medianamente, mas para o verão tórrido tem que ser assim mesmo, senão cansa o olfato. Preciso provar novamente para poder resenhar e ver melhor a fixação... mas obrigada pela dica! Vc chegou a provar as outras tbém?

      Excluir
  9. Adquiri o meu ontem, Dâmaris. Gostei muito, apesar dele ter recebido um nariz torto do meu amor aqui em casa, rs...Perfeitamente compartilhável, um floral verde atalcado com cheirinho vintage, muito confortável e elegante. Duração em minha pele me surpreendeu, ótimo custo-benefício a meu ver.
    Um belo e delicado lançamento da Mahogany, sempre surpreendendo. Só acho que poderiam ter feito um vidro mais bonito e à altura do conteúdo do perfume, o que em geral ocorre com os vidros e frascos da empresa, em geral simplórios. Mas antes o contrário, não?
    Abraços perfumados, e obrigado por divulgar este achado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou para publicar uma "roda olfativa", Ubiratan, que explica mais ou menos isso... Quem ama abaunilhados e gourmandices normalmente torce o nariz para os verdes; a não ser que seja apreciador da arte, estudioso, enfim... que aí transita por diversos estilos.

      O frasco tem lá o seu motivo de ser simples e robusto - a idéia é ser mais barato e pequeno para carregar na bolsa. Se investirem muito nisso o preço vai para as alturas. Dizem que aqui no Brasil as válvulas e tampas chegam a dificultar as vendas... olhe a COntém 1g com suas colônias... vieram sem tampa, só frasco e válvula! rsrs por isso conseguem vender a 50 ou 20 e poucos...

      Tbém prefiro assim.

      Abraços perfumados

      Excluir

O Blog Village Beauté está com suas atividades suspensas.

Grata pela compreensão.

Pin It button on image hover