SOBRE PERFUMES PARA BEBÊS: USAR OU NÃO USAR? DICAS NO VILLAGE BEAUTÉ

O post de hoje sobre Perfumes para bebês, nasceu de um e-mail que recebi da Martina, leitora do Village Beauté. Apesar de amar perfumes deixei de usá-los por muito tempo por conta do nascimento dos meus filhos. Hoje Débora tem 11 anos e João Emanuel tem 3 e cada qual usa fragrâncias típicas (e feitas) para as suas idades. E quando eram recém-nascidos e bebês, como eu fazia? Se você já foi mamãe (ou  cuidou de criança pequenina) compartilhe a sua experiência e enriqueça o post! :)


PERFUMES PARA BEBÊS
Dolce & Gabbana kids


Leio seu blog há um tempo (até já fiz alguns comentários por lá) e vejo que além de ter um conhecimento bastante considerável sobre perfumes, você tem muito bom gosto. Por isso resolvi te consultar para pedir uma sugestão de presente. 

Para contextualizar um pouco a situação, devo explicar que moro em Natal-RN e aqui todos, independente da idade, andam muito perfumados. (...) O presente é para o bebê de uma amiga, uma menininha, que deve nascer em novembro; eu acho muito estranho isso de passar perfume em bebezinhos, mas é muito comum por aqui, então acredito que poderia agradar e seria diferente das dezenas de sapatinhos e bodies (que são muito úteis mas todo mundo já dá de qualquer forma). Eu me preocupo, porém, em achar algum que não sufoque o bebê e ao mesmo tempo seja reconhecido como perfume pelos pais dela. Pelo que eu li no blog você tem uma filha, não é? Você lembra de ela ter usado algum perfuminho quando era bebê que possa me indicar?
Acho que também é preciso dizer que a minha amiga, a mãe do bebê, segue um estilo meio tomboy, então não precisa ser nada muito "rosinha cheio de frufrus", entende? 
De qualquer forma, obrigada pela atenção e pelo excelente conteúdo publicado no seu blog.
Obrigada, Martina, você é muito gentil. Espero poder contribuir com a tua escolha, mas esse assunto é relativamente polêmico e peço até licença para escrever um pouco mais do que o habitual.
PARA PERFUMAR UM BEBE
Os pés mais do que fofos do meu filhote, quando bebê.

* Recém-nascidos precisam aprender a conhecer a mamãe através dos 5 sentidos. É o jeito de pegar no colo e o ritmo de embalar; o pulsar do coração e o tom da voz; o gosto do leite e da pele da mamãe; formato do rosto e do cabelo e...o cheiro que o corpo da mamãe tem. Todas essas aprendizagens acontecem espontaneamente, em cada mamada, troca de fralda...nos milhares de minutos que a mamãe está com seu filhote. Quanto mais intensa for essa relação, quanto mais presente e envolvida a mamãe estiver com o trato do bebê mais rápido ele a reconhecerá e passará a interagir, também, com ela. E é lindo de se ver isto...emocionante! Em poucos dias o bebê fixa os olhinhos no rosto da mãe e se alegra, ou no silêncio da noite o toque de sua mão nas pequenas bochechas já o fazem se acalmar. E mais,

comprovei com meus dois filhos o que havia estudado na Faculdade (sou Psicóloga): o olfato é poderoso elo de vínculo não verbal entre a mãe e o filho. Cuidei muito disso, para que ao sentir meu cheiro meus filhos me reconhecessem e tivessem a certeza: seriam cuidados, estavam sob segurança. Mesmo tendo passado 11 anos de vida, minha filha quando está nervosa vem ao meu colo, me abraça forte e encosta seu rosto em meu pescoço e ali fica respirando e sentindo o meu cheiro. Cheiro de mãe conforta e eles se acalmam também com isso e com o ritmo de minha respiração.

Como fiz isso?

Enquanto amamentei (só consegui por 3 meses e meio, infelizmente):
- não usei perfumes, desodorante e cremes com cheiro
- não passei perfumes nos meus bebês

Fazia toda a higiene minha e deles sem a presença de qualquer outra fragrância além da própria pele. Por conta da criação do vínculo e, também, para evitar sensibilidades e futuras alergias.

Por volta dos 4, 5 meses comecei a usar algumas colônias para bebês, mas tomando alguns cuidados.

* Quando passar perfumes em bebês?
- depois dos 5 meses, quando ele já conhece a mamãe com os 5 sentidos.

* Quais perfumes passar em bebês?
- produtos sem álcool
- cheiros muito suaves, com baixíssima projeção

* Onde aplicar perfumes em bebês?
- aplicava apenas no cabelo e próximo à nuca. Apenas quem os pegava no colo sentia o cheirinho da fragrância.

Depois de 4, 5 meses de vida, então, passei a usar perfuminhos neles e aplicando apenas na nuca.

* Opções de perfumes importados para bebês:


PERFUMES BURBERRY BVLGARI L`OCCITANE E D&G PARA BEBES
Perfumes importados para bebês

O mais conhecido de todos é o Bvlgari Petits et Mamans. A marca lançou em 1997 sua primeira fragrância exclusiva para ser usada por mamães e seus bebês. Feita sem álcool ela tem como principal ingrediente alguns chás com propriedades relaxantes. Camomila, girassol , rosa, pêssego, baunilha e extrato de íris. Há quem diga que ele é meio forte para bebês.


Burberry, em 2002, lançou também seus Eau de Toilettes para mamãe e bebê: Baby Touch. O frasco com líquido azul é para a mamãe (contém álcool) e o verde para o bebê.

Dolce & Gabbana, agora em 2013, lançou seu primeiro perfume para bebês. Também sem álccol, hipoalergênico. Diz que tem cheiro de bebê. Ainda não tem no Brasil.

A L`occitane vende no Brasil também a linha Mom & Baby. Tem cheirinho doce e atalcado que lembra "amêndoa, flor, biscoito amanteigado." Também é sem álcool e tem fórmula hipoalergênica. Feito com origem natural, tem extrato de karitê e contribui para que pele e cabelos fiquem macios, segndo a marca. A linha tem eau de toilette, creme, bálsamos, sabonete e outros produtos.

DICAS DE PERFUMES IMPORTADOS PARA BEBÊS NO VILLAGE BEAUTÉ
Perfumes importados para bebês

A Givenchy tem o Tartine et chocolat com notas de laranja, limão, hortelã, jasmim, lírio-do-vale, almíscar, musgo de carvalho e âmbar.  

A Jacadi quem perfumes e kits para meninos e meninas. O Toute Petite Jacadi Baby Girl também é sem álccol, hipoalergênico e tem notas de frutas vermelhas, pêssego, lichia, lírio do vale, musk e sândalo. 

Os da Kalloo, o  Lilirose Coffret (também sem álcool e hipoalergênicos) são mais adocicados e tem notas de Amêndoa, baunilha, jasmim, cedro e musk


* Opções de perfumes nacionais para bebês:


PERFUMES NACIONAIS PARA BEBÊS NO VILLAGE BEAUTÉ
Perfumes nacionais para bebês


Existem outras marcas, mas as que mais gostei de usar em meus filhos foram:
* Baby Boti Mel: delicado cheiro de lavanda, mel e baunilha
* Baby Boti: cheirinho mais tradicional de lavanda com frutas cítricas
* Natura Mamãe e Bebê: o conforto em forma de cheiro. Brinco que este é o cheiro dos bebês do Brasil
* Natura Mamãe e Bebê flor de laranjeira: menos lavanda e mais cheiro cremoso e floral.

Percebi que os do Boticário tem maior durabilidade, o tempo de fixação é superior aos da Natura. Todos são sem álcool e hipoalergênicos. Também têm toda uma linha de creme corporal e produtos para o cabelo.

Martina, hoje temos mais opções do que quando meus filhotes nasceram. Há mais lojas com comércio eletrônico, inclusive. Tão logo eles puderam usar perfumes, fiz a opção de usar mais os nacionais. Gosto muito do Flor de laranjeira da Natura e o de Mel do Boticário, por serem um pouco diferentes da tradicional lavanda (nota muito utilizada nos perfumes para crianças por ter propriedades terapêuticas - é calmante).

Das novidades importadas que não pude ainda conhecer, eu optaria (se fosse hoje) pelos da L`occitane, pela proposta mais natural dos seus ingredientes e pela tradição (também entre os adultos) de fazer fragrâncias também suaves e com essências muito próximas aos do cheiro natural.
Foto do meu filho João Emanuel quando era bebê e os perfumes que usava na época.
Foto do meu filho João Emanuel quando era bebê e os perfumes que usava na época.

Espero que em meio a todas as sugestões possas encontrar aquilo que mais te agrade. Martina, depois conte qual foi a tua escolha, sim?

Com carinho
Dâmaris

8 comentários :

  1. Não poderia deixar de indicar a Giovanna Baby que tanto alegrou a minha vida! Existem uns kits bem lindos!

    As marcas tradicionais brasileiras trazem as suas versões infantis, mas eu iria de Mahogany. Considerando que a mamãe vai esperar um tempinho para começar a usar os perfumes e também não vai usar o tempo todo, né? - A Mahogany indica que se use a colônia apenas na roupinha no caso de crianças muito pequenas.

    Eu escolheria um dos perfuminhos brasileiros mesmo porque perfumes importados infantis é uma coisa praticamente impossível de se achar nas lojas em Natal. A não ser que dê tempo comprar pela internet, mas aí vai comprar sem sentir o cheirinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Maná! GB é importantíssimo cheirinho de sua história! ;) Sabes que não conheço as fragrâncias infantis da Mahogany? Como elas são? bjs

      Excluir
    2. Francamente não conheço, Dâmaris. Eu iria de Mahogany apenas por ser menos comum. Risos.

      Excluir
  2. Olá!
    O post ficou lindo! Sinceramente, achei tocante. Tudo o que você disse combina com o que eu penso (mesmo sem ter nenhum conhecimento na área da psicologia), porém aqui é mesmo comum perfumar os bebezinhos. Vários conhecidos meus tiveram filhos esse ano e na listinha do chá de bebê (com excessão de um), sempre tinha uma colônia. Prometo que vou recomendar à minha amiga que espere alguns meses antes de estrear o presente. Pode deixar que quando eu comprar, volto pra te dizer qual eu escolhi.

    Martina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Martina

      obrigada! Desculpe o post gigante, mas eu precisava fazer toda a introdução. Ficarei te esperando, então! bjs

      Excluir
  3. Dâmaris querida,

    Li todo teu post, me surpreendi na verdade, pois nunca me disseram sobre isso, muito menos o pediatra.

    Mas vou contar minha experiência: Quando meu pequeno nasceu, estava em um momento muito difícil financeiramente, tive ajuda de pessoas queridas próximas, e eu como já sabes uma aficcionada por perfumes queria um cheirinho para meu pequeno. Mas a única colônia que pude comprar foi a da DAVENE BEBÊ, ela era deliciosa, não continha alcool e o médico aprovou. Eu tive cuidados sim na hora de aplicar, passava no cabelo, na nuca e nas roupinhas dele...isso desde que nasceu. Mas eu por um bom tempo, durante a amamentação, quase não usei perfumes, e o creme que passava, era mais nos braços e pernas, pois perto dos seios e barriga, evitavei sempre, pois eu achava que a hora de amamentar ele devia sentir meu cheiro.
    Sei que não é exatamente como você contou, mas tomei sim meus cuidados, e hoje ele é um menimo muito amável, carinhoso e extremamente ligado em mim e meu esposo.
    Ah! Eu não usei perfume, nesse período, pois não suportava, só se necessário, em ocasião especial e bem pouco, pois no período da amamentação eu suava muito, sentia um calor absurdo,rsrs.

    Estou compartilhando aqui contigo, pois achei muito interessante o que você resenhou, que possa ajudar muitas novas mamães.

    Beijo querida
    Malú

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que os bebês já nascem com cheirinho gostoso, rsrss. Mas, nós, as mamães, gostamos de incrementar e deixar este perfume mais acentuado. Eu aplicava sempre no cabelo dos meus.
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Bom...comigo aconteceu bem parecido ao relato da querida dona do blog Dâmaris....:)))
    minha pequena tem hj 4 anos recém completados e sempre desde mto pequena sempre foi vaidosíssima,claro que eu como mãe acabei incentivando o uso de perfumes e colônias cedo,mas tudo na sua medida e claro compatíveis á idade dela!Hoje,ela tem um coleçãozinha,rs,,,,culpada,novamente EU,claro...mas não resisti....e como desde cedo ela usa,já criou certo gosto,então ela sente o cheiro e diz se gosta ou não...e fico achando aquilo demais...como pode né!!!já tão pequena e cheia de personalidade,e nada nem ninguém a convence caso ela não goste da fragrância...O que ela mais curte de usar meu é o pink sugar, e o meow da katy perry,estes ela começou a usar ano passado,assim que provou amou o meow e o frasco é um gato rosa...então imaginem o delírio da criança né......a sorte e que tinha comprado um coffret e daí ela ficou com o perfuminho pequeno de roll-on....e resolvido o dilema....Ela tb adora far away dream e o midnight fantasy(único da linha fantasy que eu curto tb)....é isso....tenho em casa uma moçinha mto perfumada e exigente...Ahhh e claro,apaixonada por perfumes docinhos gourmands como a mami dela!!!
    Lindo Post....amei!
    bjoss
    Andressa

    ResponderExcluir

O Blog Village Beauté está com suas atividades suspensas.

Grata pela compreensão.

Pin It button on image hover