Mamma Mia!

Quarta feira....dia do cinema aqui no blog!

Quem nunca cantou no chuveiro ou enquanto dirigia o carro:

" Chiquitita tell me what's wrong
You're enchained by your own sorrow..."

Minhas tardes de adolescente eram embaladas por Abba gravado em fitas K7, sim....eu escutava rádio e gravava as músicas em fitas e, depois, ficava a ouvi-las enquanto estudava ou ajudava minha mãe nas atividades domésticas. Tempo bom..... E foi com este espírito saudosista que peguei o musical Mamma Mia para assistir ano retrasado (e desde então já o revi algumas vezes) . Que saudades dos tempos de menina moça!




Sinopse:

1999, na ilha grega de Kalokairi. Sophie (Amanda Seyfried) está prestes a se casar e, sem saber quem é seu pai, envia convites para Sam Carmichael (Pierce Brosnan), Harry Bright (Colin Firth) e Bill Anderson (Stellan Skarsgard). Eles vêm de diferentes partes do mundo, dispostos a reencontrar a mulher de suas vidas: Donna (Meryl Streep), mãe de Sophie. Ao chegarem Donna é surpreendida, tendo que inventar desculpas para não revelar quem é o pai de Sophie.

Pacote de pipoca à mão...e vamos ao filme!
O começo do filme me provocou algumas preocupações de ordem moral, afinal minha filha estava assistindo junto. A personagem de Meryl, a mãe não contar quem é o pai à filha e estar confusa sobre isto não é comportamento exemplar. Comentei algumas coisas com minha criança e fomos em frente. Depois a própria trama trata de desenrolar estas inquietações, mas .... se crianças estiverem junto temos que ter atenção redobrada por que há temas que podem ser inadequados para um infante, tais como relacionamento sexual e gravidez.


À medida em que os minutos passavam o filme ia encantando cada vez mais. Com doses generosas de excelente humor, não há como desprender os olhos da tela. Como se não bastasse a performance de Meryl Streep (como a admiro!) que parecia uma garotinha de tanto corre corre, dança, canto e pulos, o filme é rodado nas ilhas gregas: Pelion, Skiathos e Skopelos. A cidade cenográfica mostra um lugar paradisíaco, tranquilo, de aguas cristalinas com gente simples - lugar perfeito para o descanso. Uma curiosidade: depois deste filme, estas localidades receberam tantos turistas que, segundo agências de viagem, o lugar já não está mais tão paradisíaco e tranquilo assim...é um agito só, com gente de todos os cantos do mundo cantarolando músicas do Abba....curioso! Imaginem ! ;)  mas que tenho vontade de ir um dia, quem sabe.....quando ganhar na mega passearei por lá, aí sim, certamente! nem iria me preocupar de encontrar cantores diversos. :o



Entre cenas que tratam de dramas amorosos, paixões arrebatadoras, dilemas entre pai e filha, amor entre mãe e filha (uma cena comoveu-me...enquanto a personagem de Meryl prepara a filha para o casamento dá um aperto enorme no coração), o tema saudade (de um tempo, momento, pessoa ou lugar) e escolhas está à tona o tempo todo.




Talvez seja por isto que o filme emociona (além de agradar pelo riso e beleza da locação): por que trata de temas que você também já viveu, que eu já vivi...e assim ficamos presos para vermos como será o final, torcendo para que tudo dê certo. Não é um enredo previsível.

As músicas do Abba compõem o filme o tempo todo. Entre as falas há música fundo ou os próprios personagens cantando, numa adequação imensa entre letra de música e evento do personagem. A escolha das músicas para cada cena não podia ser melhor! adequação 100 %



Gostei muito, já assisti diversas vezes e por conta disto comprei o CD do musical....que traz as músicas do ABBA em versão mais moderna; e assim continuo cantarolando, não mais na arranhada fita K7.


Recomendo para quem gosta de cantar, rir e curtir o visual do Pierce Brosnan das ilhas gregas.




Vamos ao trailler do filme:



boa pipoca,
Dâmaris

5 comentários :

  1. Eu adorooooo mamma mia, queria muito ver o musical pessoalmente tb ;))

    bjinhos

    ResponderExcluir
  2. Oi Nicole!

    muito obrigada pela visita! ;)

    É gostoso assisti-lo, sim*
    Qdo fores ao musical nos conte!

    bjs

    ResponderExcluir
  3. Ola Damaris

    Te achei no blog da Gi Salmazi e fiz uma visitinha ...e de primeira, um post sobre Mamma Mia...amo ABBA de paixao...lembra a minha adolescencia...eu ja tinha assistido ao filme e ja tinha gostado muito e em setembro do ano passado fui a NY e assisti ao musical ña Broadway...os cantores sao excelentes, no final sai todo mundo animado, cantando...eu e meu marido ficamos contagiados, e ja prometemos um repeteco na viagem deste ano....vale muito pra quem gosta e curte ABBA...

    Bjs

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. E como Abba fez parte da nossa vida...não tem como não gostar, né?
    E esse musical, com locações na Grécia...de sonhar!
    Bjokas

    ResponderExcluir
  5. Oi queridinha!

    Sabe q vi esse filme por acaso outro dia na Sky... tava zapeando e vi q ele tava começando, qdo vi a sinopse e vi no nome da Meryl, eu nem quis saber de q se tratava, continuei assistindo!

    É mto fofo... ela, apesar de desafinadíssima kkkkkkkkk, dá um show! Achei mto lindo o filme. Quero assistir novamente rssssssss.

    A dancinha dela com as duas coleguinhas no final é impagável! E ainda conseguem melhorar qdo entram "os meninos" kkkkkkkkkk

    Bjinhux, Cyndell

    ResponderExcluir

O Blog Village Beauté está com suas atividades suspensas.

Grata pela compreensão.

Pin It button on image hover